O comércio local precisa do seu apoio

Em tempos de e-commerce, em que tudo é fácil de ser adquirido e pode vir de todos os cantos do mundo, valorizar o comércio da cidade onde se vive e principalmente os pequenos comerciantes ou profissionais nunca foi tão importante. O incentivo dos clientes para que as pessoas cresçam nos ramos que atuam é fundamental para que o negócio dê certo e prospere. Em tempos incertos e com a crise econômica podendo se intensificar, a prática de fortalecer o comércio local se faz ainda mais necessária.

Todo dia um novo ciclo

A maioria das pessoas tem dificuldade de assimilar que tudo tem um começo, um meio e um fim. Nossa vida é composta por ciclos, alguns iniciam e outros encerram. É preciso encarar isso com maturidade e saber que nem a nossa vida vai durar para sempre. O que mais faz as pessoas sofrerem é quando o que se encerra é um relacionamento seja ele amoroso, de amizade ou até mesmo profissional. Quando isso acontece nossas inseguranças vem à tona e fazem com que questionemos ao universo e o nosso merecimento sobre a vida que levamos.

O corpo fala

O nosso corpo fala. Nem sempre são necessárias palavras para que digamos aos que nos cercam como nos sentimentos referente a determinada situação, assunto ou até mesmo como é nosso posicionamento frente a algumas pessoas. Nosso corpo tem uma função muito importante nesse sentido e pode ser crucial entendermos a linguagem corporal das pessoas para melhorar nosso convívio social. Às vezes as pessoas precisam de ajuda e não conseguem pedir, ou querem compartilhar uma alegria, mas não sabem como falar. Esteja atento aos sinais.


Neurociência e negócios

O cérebro comanda o corpo. Ele regula e controla nossas atividades corporais. É responsável pela nossa consciência, pensamentos, memória e emoções. Ele permite ao homem identificar, perceber, interpretar e compreender o mundo e as pessoas que o rodeiam. Em todas as descobertas relacionadas ao cérebro existe a ciência, ela é responsável por pesquisar e fazer descobertas capazes de grandes revoluções. Se juntarmos cérebro e ciência, temos novas formas de fazer negócio.

Controle sua obsessão

“Somos uma geração que conhece bem transtornos psicológicos/psiquiátricos e fala abertamente sobre eles, como forma de alerta e prevenção. Em algum momento você deve ter lido sobre o assunto e de repente você começa a ficar com um medo absurdo de cometer erros que te levem a fracassar ou passar vergonha em alguma situação e passa a evitar viver aquilo, você organiza tudo em uma ordem específica e fica confuso ou muito irritado quando alguém bagunça tudo.Você tem sistemas de organização que podem dar um nó na cabeça das outras pessoas. Isso tem um nome: Transtorno obsessivo compulsivo, o popular: TOC.”