Como ressignificar trajetórias através da hipnose


Nosso presente e futuro podem ser limitantes quando não conseguimos processar acontecimentos do passado que nos causaram profundas marcas. Quando não conseguimos identificar a origem dos nossos traumas e fobias, eles interferem diretamente nos nosso relacionamentos e na forma com que enxergamos o mundo e nossa realidade. É possível trabalhar essas travas através da hipnose e ressignificar tais eventos trazendo o vem estar e o equilíbrio para nossa vida.

 

                Ao contrário do que muito filósofos dizem, nós não nascemos uma folha em branco. Desde o útero da mãe a criança carrega cargas emocionas e quando ela nasce é inserida em um grupo familiar e em uma comunidade e essas pessoas ao redor trazem para a vida da criança algumas crenças, é importante ressaltar que quando se fala em crenças, não é relacionado a religião e sim a verdades que tomamos para nossa vida. Geralmente essas verdades são impostas ou ensinadas por outras pessoas. Por exemplo, uma criança que vive em meio familiar que vê a morte como algo horrível ou como uma tragédia muito grande, vai ser uma criança que tem muita dificuldade em lidar com percas e até em elaborar o luto. Já  uma criança que cresce em uma família que vê a morte como um processo natural, como um ciclo que chega ao fim e que sabe que estamos aqui só de passagem, tratando o assunto de uma forma assim mais a leve,  tende a ter menos problemas de relacionamento e de percas. Isso acontece com várias situações, pois o nosso inconsciente registra muitas coisas, desde o tempo do útero, da primeira infância, da entrada na escola, a forma como nosso pai e nossa mãe nos tratam.

                Quando uma menina não tem o carinho, cuidado, a demonstração de amor do pai na primeira infância (cinco/seis anos de idade), onde a menina tende a ser muito próxima e muito apegada ao pai, seja ele pai biológico, ou apenas uma figura paterna como o avô, o padrinho, ou qualquer pessoa que dê esse aconchego, esse acalento de pai. Quando essa menina não tem isso na vida e na primeira infância, ela também tende a ter dificuldade em relacionamentos e traz consigo algumas coisas mal resolvidas, situações que ela não compreende. Da mesma forma a menina que houve a mãe falando que nenhum homem presta, que homem só dá trabalho, que os homens são todos iguais, ela cresce com dificuldade para confiar nas pessoas, principalmente do sexo masculino e assim acontece muita divergência no relacionamento e muitas vezes a pessoa não sabe a causa.

                A hipnose é um técnica muito utilizada em que o especialista acessa o subconsciente da pessoa para procurar a causa, o momento e desvendar o que aconteceu na vida da pessoa, que hoje traz consigo, fobias, traumas, medos, bloqueios, que acabam prejudicando a qualidade de vida no momento atual. É importante ressaltar que a regressão é uma ferramenta, dentro da hipnose. Ou seja, a hipnose uma técnica utilizada pra fazer regressão.

                No processo de hipnose o paciente não fica inconsciente. Ele tem acesso a tudo o que está acontecendo. O hipnólogo trabalha com o subconsciente e não tem acesso a informações que a pessoa não queira. Muitas pessoas tem medo de perder o controle da situação, mas isso não existe. A regressão vem para ressignificar os traumas juntamente com a pessoa, para a partir disso quando ela voltar ao seu estado de vigília, o momento que temos consciência de tudo que estamos fazendo, trazer  aquela “nova sensação” que foi instalada pelo processo terapêutico. A hipnose se dá por aprofundamento, onde a pessoa fica com os mecanismos de defesa rebaixados, menos racionalizado, mais fácil de trabalhar e trazer soluções positivas, ressiginifcar situações antigas que ficaram mal resolvidas e com isso tende a desbloquear no momento atual aquela fobia, trauma, problemas de relacionamentos e inclusive vícios. É importante ressaltar que a hipnose só funciona se a pessoa estiver buscando essas soluções, porque metade do trabalho é realizado pelo hipnólogo e a outra metade é realizado pela pessoa que está buscando ajuda. Esse processo é feito através de entrega e confiança  e o mais importante, com um profissional especializado no assunto para conduzir o processo terapêutico com segurança.

 

Ana Paula Strapazzon, Psicóloga CRP 12/19098, Hipnose Clássica, Conversacional e Clinica e especialização em Programação Neurolinguística – PNL.

Dentro da hipnose, regressão de idade e outras técnicas para trabalhar traumas, fobias e problemas como ansiedade e depressão.

Atendimento a adolescentes e adultos com área de atuação clínica para saúde mental.

 

Contatos:

49 9999389885

Anapaula.strapazzon@outlook.com

Rua Antonio Ferlin, 55 - Edificio Arthur - 1º andar - Alvorada – Videira/SC

Facebook: anastrapazzon.psicologia

Instagram: psicologaanastrapazzon


Matérias Relacionadas
COMENTÁRIOS