Benefícios das terapias complementares - Daniela Ries Winck

A saúde já não é vista como uma ciência que cuida exclusivamente do corpo há décadas. Abordagens alternativas como Reiki, Barras de Access, Aromaterapia e uso Florais de Bach têm ganhado cada vez mais espaço como complemento à manutenção do bem-estar.

Entenda seu estresse

O estado de estresse é uma resposta natural do organismo às situações que exigem defesa pela sobrevivência, ou seja, se fosse sempre mal talvez nem eu e nem você estaríamos aqui agora e a história da vida humana certamente seria encurtada em bons milênios. Os pesquisadores já defendem a existência de um estresse positivo (eustress), um estado de estresse psicológico moderado ou normal, benéfico a quem experimenta.

Como não esquecer de beber água

A famosa frase “beba água, senão dá pedra nos rins” não é famosa em vão, há diversos estudos que comprovam o que a água e a falta dela pode provocar. Para estimular você a beber mais água, criamos algumas dicas.

Andar descalço faz bem

Pesquisadores da Faculdade de Medicina da USP defendem que o fortalecimento dos pés é a principal forma de evitar lesões ao praticar corrida de forma recreativa. Eles também apontam que o popular exercício físico tem risco de lesão altíssima.

Agosto Laranja foca na prevenção de deficiências

Você sabia que agosto é o mês oficial da prevenção à deficiência? O Agosto Laranja foi estipulado pelas Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) do Brasil para alertar os pais para a importância da prevenção desde antes da gravidez. Enquanto aumentam a morbidade e o número de incidência de deficiências na população, iniciativas desta natureza contribuem também para levantar questões sobre a pressão sobre os sistemas educacional, assistencial e de saúde.


Todo dia um novo ciclo

A maioria das pessoas tem dificuldade de assimilar que tudo tem um começo, um meio e um fim. Nossa vida é composta por ciclos, alguns iniciam e outros encerram. É preciso encarar isso com maturidade e saber que nem a nossa vida vai durar para sempre. O que mais faz as pessoas sofrerem é quando o que se encerra é um relacionamento seja ele amoroso, de amizade ou até mesmo profissional. Quando isso acontece nossas inseguranças vem à tona e fazem com que questionemos ao universo e o nosso merecimento sobre a vida que levamos.

Controle sua obsessão

“Somos uma geração que conhece bem transtornos psicológicos/psiquiátricos e fala abertamente sobre eles, como forma de alerta e prevenção. Em algum momento você deve ter lido sobre o assunto e de repente você começa a ficar com um medo absurdo de cometer erros que te levem a fracassar ou passar vergonha em alguma situação e passa a evitar viver aquilo, você organiza tudo em uma ordem específica e fica confuso ou muito irritado quando alguém bagunça tudo.Você tem sistemas de organização que podem dar um nó na cabeça das outras pessoas. Isso tem um nome: Transtorno obsessivo compulsivo, o popular: TOC.”

O sono dos sonhos

Noites bem dormidas são imprescindíveis para o bom desenvolvimento do nosso organismo. Quando não dormimos a quantidade de horas necessárias para reparar o nosso corpo ou quando temos noites de sono mal dormidas, no dia seguinte nosso organismo não reage a todos os estímulos que recebe, nos deixando em uma espécie de marcha lenta e fazendo com que sejamos menos produtivos. O sono reparador causa muitos benefícios ao nosso corpo, fazendo que nos tornemos pessoas mais ativas.

Uma pausa para pensar e proteger

Um vírus desafiador colocou grande parte do mundo em isolamento social. Não dá para romantizar uma doença tão devastadora que matou muitos e aterrorizou milhares, que sacudiu a economia e estremeceu governos. Mas partindo da premissa de que a maioria das pessoas não sabe pausar e nem se preocupa muito com o bem estar do próximo, essa quarentena foi um choque de realidade, para repensarmos nossa trajetória nesse mundo e ressignificarmos a nossa maneira de ver o mundo e nossos semelhantes.

Diga sim às vulnerabilidades

Todos temos limitações e conhecemos muito bem nossas vulnerabilidades e defeitos. Dentro das organizações onde trabalhamos, tentamos neutralizar essas questões ao máximo, na maioria das vezes por medo de retaliações. Porém alguns estudos tem mostrado que reconhecer suas limitações e trabalhar em uma empresa que lhe passe segurança psicológica para falar abertamente sobre essas questões que te deixam inseguro, buscando te deixar confortável tem sido a chave para equipes de alta performance.