Autodisciplina e alcance de metas


Você com certeza se inspira na história de vida de alguém. Pessoas memoráveis geralmente tem em comum uma coisa que cobram de você desde que é criança: a disciplina. A disciplina se classifica como obediência a um conjunto de regras e normas que são estabelecidos por determinado grupo. Se refere também ao cumprimento de responsabilidades específicas de cada indivíduo na busca por algo. Essa segunda opção é denominada de autodisciplina. Ela é essencial para conseguir atingir os objetivos profissionais e pessoais, afinal garante o cumprimento de todas as responsabilidades e compromissos que garantirão o sucesso de tarefas pré-estabelecidas.

A motivação é um agente muito presente no processo de nos moldarmos e termos disciplina referente a todos os campos da nossa vida. Fazer algo quando nos sentimos motivados, felizes e cheios de energia torna-se muito simples, porque temos vontade de realizar nossas atividades e conquistar nossa meta. O difícil e doloroso é fazermos o que precisa ser feito quando nos sentimos cansados e tristes, mas se o fazemos mesmo nos sentindo dessa forma conseguimos manter a disciplina.

Reconstrua sua disciplina e reprograme a mente para realizar sua meta. Ter um plano para chegar no alcance do objetivo maior é primordial. Nosso cérebro é programado para poupar energia, por isso precisamos ter tudo muito bem definido para conseguir treinar e desenvolver a disciplina. Antes de qualquer coisa você precisa estabelecer sua meta e definí-la com clareza. Mensurar seus dados de forma quantitativa. Colocar uma data limite para atingir a meta e associar uma imagem a esse feito.

Depois você precisa criar um processo para atingir a meta. Desmembrá-la em atividades diárias que lhe facilitem a hora da execução do que foi estabelecido. Precisar tomar menos decisões diárias, poupa energia cerebral. Distribuir atividades semanais aliadas a sua meta auxiliam no processo.

Estabeleça um sistema de dor (perder algo se não alcançar a meta no prazo estabelecido) e um sistema de recompensas (quando a meta for alcançada ou a cada parte do processo executada fazer algo que lhe traz felicidade e sensação de prazer).

Elimine as barreiras que sabotam sua mente. Foque em todos os processos e não apenas no resultado para conseguir mudar comportamentos mentais. A chave do sucesso é a consistência. Vise mudar de forma regrada e contínua, começando leve, saindo da zona de conforto, busque executar  e explorar o máximo do seu potencial. Histórias de sucesso se constroem com autodisciplina.


Matérias Relacionadas
COMENTÁRIOS